Gestão do tempo exige competência

por | dez 7, 2015 | Sem categoria

Buscamos a felicidade, mas não temos tempo de ser felizes. Queremos ser memoráveis, mas não temos tempo para nossos filhos, para os pais ou para os amigos. Estamos com pressa. Pressa de que? É preciso desacelerar para chegar mais longe, para apreciar, para construir. Temos abundância não escassez, mas conseguimos deixar a escassez predominar com nosso jeito materialista de viver. Do que adianta ter cada vez mais se as pessoas não estão bem? A ganância humana nunca será atendida, diz Satish Kumar, sábio indiano que conviveu com personalidades como Bertrand Russel e Martin Luther King. Qual é mesmo a grande causa da humanidade? Não vivemos em harmonia, de forma que todos possam viver dignamente e evoluir em seu próprio caminho. Estamos fora do nosso trilho original. As pessoas não se desenvolveram espiritualmente, só mentalmente. Este realismo e pragmatismo vem criando o que? O caos que virou o mundo. Desde a antiguidade filósofos, historiadores e pensadores questionaram a vida e o ser humano. Não aprendemos nada? Somos práticos, mentais, limitados e corremos o dia inteiro atrás de garantias materiais de sobrevivência e um status cada vez mais difícil de manter. Precisamos mudar nossa forma de pensar, viver mais com menos, reclamar menos, apreciar o que temos, honrar a vida, a nossa existência e o mundo que temos o privilégio de habitar. Isto para os racionais pode parecer bobagem, mas a pergunta é: o que de grandioso e sustentável este mundo capitalista construiu? Comece mudando sua forma de viver. Pare de dizer que não tem tempo, organize seu tempo, comprometa-se com seus planos, aprenda dizer não, priorize o que realmente é importante. Converse com sua família e amigos, influencie o meio que vive. O mundo agradecerá e sua consciência ficará em paz. Menos fala e mais ação, é o que precisamos.

Traduzir »
WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
👋 Olá, como posso ajuda-lo?